Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

24 de maio de 2009

Um lenço no pescoço...

Pois é gente esta acabando... esta é a penultima parte desse conto... então aproveitem ;D

Na manhã seguinte Daniella sentiu os mesmos sintomas da noite passada... até pior por que estava muito cansada mesmo. Travou uma guerra interna entre a grande parte dela que queria ficar na cama, e a minúscula parte que pensava que ela tinha obrigações, e por mais incrível que pareça, a parte das obrigações venceu, mas não completamente, ela iria se dar ao luxo de chegar atrasada pelo menos.

Notou que o machucado em seu pescoço ainda não tinha cicatrizado, mas ignorou o fato e desceu as escadas como se estivesse indo para o inferno e não pegar um ônibus.

Se abaixou para pegar a sua rosa, e ver a misteriosa mensagem de hoje...e por incrível que pareça, só por que, o que ela mais queria era não pensar, devido ao seu esgotamento físico e mental, a mensagem estava em latim.

“Mortuus est Dei filius,credible est quia ineptum est. et sepultus resurrexit, certum est quia impossible est”

Começou a rir para o papel... nunca teve sequer uma aula de italiano, quem dirá saber uma linha que fosse de Latim, ignorou a mensagem por um primeiro momento, achava um desaforo, acabada como estava, sair procurando por dicionários... Mas no final a curiosidade foi mais forte, resolveu pegar o papel, para ver se com calma entendia alguma coisa. Novamente as palavras pareciam grego... não elas pareciam o que eram, LATIM...mas dessa vez entendeu uma ou outra palavra, “Morto” “Filho” “Sepultado” “Impossível” fora estas nada.

Uma idéia passou por sua cabeça, melhor que procurar dicionários era perguntar para alguém que realmente sabia, e a salvação foi seu professor de história, que alem de ajudá-la na tradução ficou muito surpreso ao saber que ela estava se interessando por uma língua tão antiga.

“Morreu o filho de Deus,nisso se pode crer por ser absurdo. E sepultado ressurgiu, disso se esta certo por ser impossível”

Agora ela teria que travar mais uma batalha, “o que ele quis dizer com isso?” pensou parte por parte, e depois de refletir chegou a conclusão que: podemos crer ou não em uma coisa absurda, a escolha é nossa nesses casos, agora, quando a coisa em questão é impossível, ela é sempre mais provável.

Isso foi a única coisa que conseguiu tirar da mensagem, depois disso ficou até com dor de cabeça, mas achava que a dor era fruto da noite mau dormida e prometeu a si mesma que se esse cansaço matinal não passasse ela procuraria um medico.

Chegou em casa e foi para o computador.

“Como você vai querida?”

“Já estive melhor”

“O que foi?”

“Acho que peguei algum tipo de vírus... sei lá... tenho dormido muito mau”

“Isso é porque você sonha comigo... você gosta de sonhar comigo?”

“Gosto”

“Então é isso... mas logo vai passar”

“O que você quis dizer com o bilhete em latim... deu muito trabalho para decifrar...”

“Quis dizer que não devemos ignorar as coisas impossíveis, por que elas são a resposta”

“Você gosta de charadas não?”

“Tudo é melhor com um toque de mistério”

“Não vejo o mistério”

“Ah! Mas sempre existe um mistério... tudo esta interligado, e tudo leva a uma resposta obvia, só que você ainda não percebeu”

“Mas o que esta interligado?”

“Você devia acreditar mais nas histórias que lê Daniella, por que algumas são verdade”

“É impressão minha ou voltamos para aquela nossa história de terror?”

“esta certa”

“Quando falo com você sempre tenho a sensação que estou deixando escapar algo...”

“Talvez esteja”

“Você não pode me dizer?”

“Não acreditaria em mim... você tem que analisar os fatos... talvez os mais irrelevantes”

“Você não pode me dar um ponto de partida?”

“Sim, amanhã junto com a sua Rosa”

“por que não agora... assim teria o que pensar a noite”

“Você tem que descansar, e sei que você é esperta... vai matar a charada, só precisa se lembrar que o impossível é a chave”

“Vou me lembrar”

“Vá dormir querida, vai ter uma longa noite”

“Ok... Boa noite”

“Eu terei”

Ele estava certo, sua noite foi agitada como as outras, mas o sonho tinha mudado, parecia que estava cada vez mais real, e cada vez mais ardente. Era como se ela se lembrasse de cada beijo do sonho, realmente incrível. Mas isso não foi o suficiente para melhorar sua saúde, quando se olhou no espelho, percebeu o tamanho das olheiras provocadas pela noite mau dormida, amarrou um lenço no pescoço por que os furinhos pareciam estar longe de cicatrizar.

Saiu para apanhar sua Rosa com igual desanimo e fraqueza, decidiu que depois da aula iria a um medico.

Mas o que leu no papel a fez ter um fleche de raciocínio, e com essa aparente lógica, entrou em pânico, era só uma palavra, mas que dizia muita coisa, como ele mesmo disse, era só ligar os fatos.

“Pescoço”

Ela levou a mão a garganta, e pode sentir dolorido perto dos machucados, percebeu o quanto eram profundos. Voltou para dentro de casa, não ia sair para lugar algum aquele dia.

Então gente, o que estão achando das ultimas partes desse conto? Pois é... como eu disse quinta tem a última parte e todas vocês vão saber o que vai acontecer com a Daniella... mas até lá tenho que tomar algumas providencias... por exemplo pensar em um tema bem legal para o proximo conto... e também tem a parte mais dificil pra mim... dar nomes aos personagens.... vocês poderiam me fazer um favor e dizer nos comentarios um nome feminino [pode ser o de vocês ^^] e um masculino... vou escolher os nomes que eu achar que tem mais sintonia com a nova história [que eu não sei nem como é :p]

By_Flávia_

12 comentarios:

Anônimo disse...

que pena que já está acabando.!
sem opinião para nomes, tbm é dificil para mim.

beijos

Anônimo disse...

o de cima
Dani´

LISSE disse...

oi Flavia
amei seu blog
a foto dos lobos e tudo
so ñ tive tempo de ler ainda mas vou tirar um tempinho e ler e vou indicar pois tem conto
otimos posts

BJKS
LISSE

Anônimo disse...

eu gosto de Carolina... :DD

Karol - A Menina que Roubava Cookies disse...

Ótimo conto flavia. Estou morrendo de curiosidade pelo final...

Nome de mocinha é fácil, Sophia esse nome fica bem em qualquer história. Agora de homem depende da idade, local da história etc...

bjks

_Flávia Tavares_ disse...

vo facilitar a vida de vc pra ver se vcs facilitam a minha ;D
o cara é novo, tipo "no ponto" vcs me entendem :p ela tem uns 19... ele tem que ter/aparentar no maximo 25...

P.S brigado lisse depois le sim... amanhã tem meu novo conto no meu blog... ele se chama "Aliky- Quando os pecados da mente se tornam reais" Só pra adiantar pra quem quiser acompanhar Aliky é [antes de mais nada um nome estranho] um freira que tem uns pensamentos um tanto impuros... dai pra frente só amanhã mesmo!!!

Morganna disse...

Oi a estória tah ficando perfeita...E naum queria que acabasse e esperoo que a outra seja ainda melhor!

O nome para as personagens vai depender do perfil delas...

Por exermplo eu pensei em Ariana para uma mulher objetiva e que sabe oque quer, tem tudo a haver com o signo áries...
E Pandora para uma mulher incrivelmente linda...
Rachel parece nome de vilã... Mariana parecxe nome de pessoa amigavel!E por aí vai...

E nome de menino èé sempre o problema...
Mais eu gosto de Guilherme para os amigaveis... Gustavo para os bonitões e miguel para o mocinho da historia!Alexandre para um super gênio!E sei lá tem tantos que fica confuso!

Mas boa sorte com tua estória, eu vou adorar lê-la aposto!

MC*

Monique ♥ Querendo que terça seja quinta disse...

Aff, eu tentei esperar um tempinho para ler os contos de uma vez só...
Mas não resisti... A gora eu vou ter que esperar até quinta pra saber o final! Aff

Nome? Mulher: Mel Homel: Luke

Karol - A Menina que Roubava Cookies disse...

ho ho ho (imitando a risadinha pervertida da yas)

Eu sei de onde saiu esse "Luke"



;)

Monique Feels Tudo isso disse...

→Eu sei de onde saiu esse "Luke"

Eu tbm!!

Pensando melhor...

Sugestões de nome: Mulher: Holly
Homem: Na dúvida entre Ryan, Adam e Ethan

Paah disse...

Concordo com vocêe Monique, esperei pra ler tudo de uma veez mais não deu =P

Ahh nomes?
Bom que ta o seu?
Flávia é legal, rs
Tem Luana também, Camila, Juliana, Marcela, Patricia, Elizabeth...
E de homem, hmm
Mauricio, Thomas, Joel, Marcelo, Paulo e por ai vai...

S. disse...

Olá, quando é que acabas? é que estou a morrer de ansiedade para saber o que vai acontecer. xD

Assuntos