Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

17 de maio de 2009

Por um caminho sem volta...

eita eita eita ... não é por que fui eu que escrevi não viu... mas se eu fosse vcs não perdia mais tempo e lia logo a continuação da história da Daniella, hj é uma parte muito importante para chegar ao fim da história... mas deixa eu parar de enrolar e fiquem com o conto :p

Seus dedos travaram em cima do teclado... O que ela ia responder, e se o cara fosse um psicopata, ou um daqueles assassinos igual os dos filmes que perseguem uma pessoa até conseguir o que quer... Definitivamente não queria esse tipo de história de terror com alguém que sabe seu endereço.

“Depende da história de terror”

Respondeu, mas em seguida se arrependeu, afinal que outros tipos de histórias de terror poderiam ser vividas?

“Rsrsrs de que tipo você não viveria?”

Ela não gostou nem um pouco da risada, mas respondeu sinceramente.

“Não gosto de maníacos e loucos, por acaso você não se encaixa na descrição, se encaixa?”

Não sabia de onde estava vindo a coragem para desconfiar o estranho, mas esperava que não precisasse se arrepender depois.

“Não sou nenhum maníaco ou louco... só nesses casos ?”

Ela refletiu por um momento e respondeu.

“sim só nesses casos...”

“Eu deveria saber... se não gostasse de suspense não estaria conversando comigo”

“Suspense é pior que o filme de terror em si”

“rsrsrs concordo”

Tenho que fazer um trabalho vou sair”

“Te espero aqui amanhã”

“Ok”

Tinha mesmo que fazer um trabalho, mas também queria pensar na conversa que tinha tido com Francisco. Estava farta da própria atitude, sempre que conversava com ele não conseguia fazer perguntas obvias como quantos anos ele tem, ou aonde mora... Irritada consigo mesma foi dormir mais cedo, mas ao contrario do que esperava não teve uma noite tranqüila.

Sonhou a noite toda com Francisco, como ela tinha certeza que era ele, ela não sabia, no sonho ele entrava por sua janela e beija seu pescoço... Parecia tão real. Acordou exausta, parecia que não tinha dormido nada, se levantou e foi se arrumar como se esse simples ato fosse o mesmo que declarar guerra contra o estados unidos e ir lutar sozinha,mas nem cogitou a hipótese de faltar. Já tinha tido muitas faltas sem aparente motivo... agora se arrependia disso.

Enquanto penteava seus longos cabelos dourados, notou duas cicatrizes na base do seu pescoço, pareciam dois furinhos, como se ela tivesse se machucado durante a noite, pois ainda não estavam completamente cicatrizados.

Ignorou esse fato até sair pela porta de casa, e recolher a rosa. Já estava virando um habito ela sair de casa já se abaixando para pegar sua flor diária, mas o típico bilhete insistia em continuar a surpreende-la.

“Bem vinda a minha história de terror Daniella”

Não falei que hj éra um dia muito importante... pois é, se hj foi importante, imaginem quinta-feira... não percam ein!!!

By_Flávia_

6 comentarios:

Karol - A Menina que Roubava Cookies disse...

“Bem vinda a minha história de terror Daniella”
Ui. Que final hein?!
Muito legal :)

Anônimo disse...

bota ui nisso.!
está ficando muito boa e eu estou viciando.!

Dani´

Anônimo disse...

*--* woouunn
tô louca pra que chegue quinta-feira!

_Flávia Tavares_ disse...

rsrsrsrs tem que ter impacto neh...

Sarah disse...

Nossa!

Quinta e Domingo os melhores dias da semana!! ;]

Monique Feels Tudo isso disse...

Que calienteee! huahuahau

Assuntos